II Webinar do GETED – Referências da minha palestra: Educação na Era Digital

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

 

ARAUJO, E. V. F. (2011) Letramento em contexto digital: diferentes práticas de leitura e escrita. Cadernos do CNLF, Vol. XV, Nº 5, t. 1. Rio de Janeiro: CiFEFiL. Disponível em: http://www.filologia.org.br/xv_cnlf/tomo_1/56.pdf

_____________. (2012) Letramento em Contexto Digital: uma análise de Livros Didáticos do Ensino Médio. Dissertação de Mestrado em Letras e Ciências Humanas. Duque de Caxias, UNIGRANRIO.

ARAUJO, Julio. (ORG) Internet & Ensino. Rio de Janeiro: Lucerna, 2007.

BUZATO, M. E. K. (2010) Novos letramentos e apropriação tecnológica: conciliando heterogeneidade, cidadania e inovação em rede. IN: RIBEIRO, A. L. et al. (Org) Linguagem, tecnologia e educação. São Paulo: Peirópolis.

CARLINI, A. L e LEITE, M. T. M (2010). Adolescentes e tecnologias: o aluno nativo digital. IN: CARLINI, A. L. e TARCIA, R. M. L. 20% a distância e agora?: orientações práticas para o uso da tecnologia de educação a distância no ensino presencial. São Paulo: Pearson Education do Brasil.

CASTELLS, Manuel. A Galáxia da internet: reflexões sobrea internet, os negócios e a sociedade. Rio de Janeiro: Zahar, 2003.

FREITAS, M. T. A. (2009) A formação de professores diante dos desafios da cibercultura. In: FREITAS, M. T. A. (org.). Cibercultura e Formação de Professores. Belo Horizonte: Autêntica Editora.

FORMIGA, M. (2009) A terminologia em EaD. In: LITTO, F.; FORMIGA, M. (Orgs.). Educação a distância: o estado da arte. São Paulo: Pearson Prentice Hall.

GABRIEL, M. (2010) Marketing na era digital: conceitos, plataformas e estratégias. São Paulo: Novatec Editora.

LÉVY, P. (2010) Cibercultura. 3 Edição. São Paulo: Editora 34.

MAIA, C. e MATTAR, J. (2007) ABC da EaD: educação a distância hoje. São Paulo: Pearson Prentice Hall.

MARCUSCHI, L. A. (2008) Produção textual, análise de gêneros e compreensão. São Paulo: Parábola.

_________________. (2010) Gêneros textuais emergentes no contexto da tecnologia digital. IN: MARCUSCHI, L. A e XAVIER, A. C. Hipertexto e gêneros digitais: novas formas de construção dos sentidos. 3 ed. São Paulo: Cortez.

ROJO, R. (2009) Letramentos Múltiplos, Escola e Inclusão Social. São Paulo: Parábola Editorial.

_____________. Pedagogia dos multiletramentos: diversidade cultural e de linguagem na escola. IN: ROJO, Roxane e MOURA, Eduardo. Multiletramentos na Escola. São Paulo: Parábola Editorial, 2012.

SANTAELLA, L. (2010) Culturas e artes do pós-moderno: da cultura das mídias à cibercultura. 4ª Edição. São Paulo: Paulus.

TORI, R. (2009) Cursos híbridos ou blended learning. IN: LITTO, F. e FORMIGA, M. (Org) Educação a Distância: o estado da arte. São Paulo: Pearson Prentice Hall.

________.(2010) Educação sem distância: as tecnologias interativas na redução de distâncias em ensino e aprendizagem. São Paulo: Editora Senac São Paulo.

VALENTE, C. e MATTAR, J. (2007) Second Life e Web 2.0 na Educação: o potencial revolucionário das novas tecnologias. São Paulo: Novatec.

VILAÇA, M. L. C. (2011) Web 2.0 e materiais didáticos de línguas: reflexões necessárias. Cadernos do CNLF, Vol. XV, Nº 5, t. 1. Rio de Janeiro: CiFEFiL. Disponível em: http://www.filologia.org.br/xv_cnlf/tomo_1/90.pdf

VILAÇA, M. L. C. e ARAUJO, E. V. F. (2012) de. Questões de Comunicação na Era Digital: Tecnologia, Cibercultura e Linguagem IN: E-scrita Revista do Curso de Letras da UNIABEU Nilópolis, v.3, Número 2 , Mai. -Ago. 2012 Disponível em: http://www.uniabeu.edu.br/publica/index.php/RE/article/viewFile/457/pdf_239

VILAÇA, M. L. C. Educação a distância e tecnologias: Conceitos, termos e um pouco de história. Revista Magistro, N. 1. Vol. 2, 2010. Disponível em: http://publicacoes.unigranrio.edu.br/index.php/magistro/article/viewFile/1197/801

XAVIER, A. C. (2010) Leitura, texto e hipertexto. IN: MARCUSCHI, L. A e XAVIER, A. C. Hipertexto e gêneros digitais: novas formas de construção dos sentidos. 3 ed. São Paulo: Cortez.